sexta-feira, 6 de maio de 2011

Thomaz Bellucci nas semifinais do Masters 1000 de Madri




Com atuação irretocável, Thomaz Bellucci derrotou o tcheco Tomas Berdych por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7-2) e 6/3, em 1h33 de confronto, e garantiu sua vaga nas semifinais no saibro do Masters 1000 de Madri. Após derrubar o britânico Andy Murray na fase de quartas de final, o paulista passou por outro top 10 na Espanha, já que o rival desta sexta-feira foi o número 7 do mundo. Desde 2003, com Gustavo Kuerten em Indian Wells, um brasileiro não chegava tão longe em um Masters.  
Além de celebrar sua primeira semifinal em um evento deste porte, Bellucci ficará próximo de sua melhor colocação do ranking de entradas da ATP. Atual 36º do mundo, ele já garante ao menos o 22º posto, somente um atrás de sua colocação mais destacada, o 21º, de julho do ano passado. Com o resultado, ele também assegura a condição de cabeça de chave em Roland Garros, fugindo de outros favoritos nas duas primeiras rodadas. 
O paulista venceu 68 pontos de 121 disputados e derrotou o oponente pela terceira vez na terra batida, pois antes havia levado a melhor no challenger de Prostejov, nas edições de 2008 e 2009. Em eventos da ATP, Berdych bateu o paulista em Brisbane, na temporada passada, e recentemente em Indian Wells, no piso sintético. A semi em Madri também eleva o moral de Bellucci, que ainda não tinha conseguido quatro triunfos consecutivos nesta temporada.






Inter pode entrar na briga por Gabriel


De olho no mercado, o Inter pode buscar no Grêmio um reforço para a lateral-direita. A direção reprova as atuações de Nei e buscará alguém para o setor. Gabriel, cujos direitos pertencem ao grego Panathinaikos, estaria na mira do clube colorado. De acordo com o empresário Gerson Oldenburg e o agente Fifa Marcelo Sander, o atleta quer permanecer no Grêmio. Uma dívida do clube grego com o jogador favoreceria sua permanência no Olímpico. Mesmo assim, a situação segue indefinida.