quarta-feira, 7 de março de 2012

Confira a segunda rodada da Divisão de Acesso do RS


A segunda rodada da Divisão de Acesso teve o Riograndense como destaque. Em Santa Maria, o Periquito patrolou o Riopardense: 4 a 0. Com o resultado, chegou aos quatro pontos, mesma marca do Esportivo, que bateu o Glória, e do São Paulo, que ficou no zero com o Guarani-Ca. 
Outra vitória importante foi a do Passo Fundo, 2 a 1, diante do Brasil-Fa. Sapucaiense e Milan também venceram a primeira. Nesta quinta, Brasil de Pelotas e União, que enfrentam Inter-SM e Juventus.

Passo Fundo 2x1 Brasil-Fa
Milan 4x2 Panambi
Guarani-Ca 0x0 São Paulo
Riograndense 4x0 Riopardense
Sapucaiense 1x0 Santo Ângelo
Esportivo 1x0 Glória
Guarani-Va 0x0 14 de Julho
Rio Grande 0x0 Farroupilha

Juventude vence e está classificado a próxima fase da Copa do Brasil

O Juventude viveu nesta quarta-feira uma noite esperada há muito tempo. Depois de um período de maus resultados do Campeonato Gaúcho, que resultou na demissão do técnico Antonio Picoli, a equipe obteve uma ampla reabilitação. No Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa, a equipe venceu o Operário-PR por 4 a 0 e se classificou para a segunda rodada da Copa do Brasil, eliminando o jogo de volta. A noite era da estreia do diretor técnico Alexandre Barroso como treinador. Em princípio, interino. E também da estreia do lateral-direito Élder Granja e retorno do meia Léo Maringá, após meses se recuperando de lesão. Mas outro personagem roubou a cena: o atacante Jonatas Belusso marcou três gols e deu o passe para outro. 

Neymar 3 X 1 Inter

E a Vila Belmiro continua sendo um dos poucos estádios onde o Inter nunca venceu. Na noite desta quarta-feira, os colorados foram com a esperança de quebrar esse tabu, mas esbarraram em um Neymar inspirado, em noite de luxo. Fazendo jus aos adjetivos que recebe, o atacante marcou os três na vitória por 3 a 1, no duelo válido pela segunda rodada do Grupo 1 da Libertadores. A derrota faz o time de Dorival Júnior cair para a terceira posição da chave, com 3 pontos – a mesma pontuação do Santos, que leva vantagem no saldo de gols. O The Strongest, próximo adversário do Inter na terça-feira, lidera, com seis. Na próxima rodada, o Peixe encara o Juan Aurich. 


Libertadores 2012 – 2ª rodada

Santos 3
Rafael; Fucile (Bruno Rodrigo), Edu Dracena, Durval e Juan; Arouca, Henrique, Ibson (Elano) e Ganso; Neymar e Borges (Alan Kardec). Técnico: Muricy Ramalho.

Inter 1
Muriel; Nei, Rodrigo Moledo, Índio e Kleber; Guiñazu, Elton (Dátolo), Bolatti (Tinga), Oscar e D’Alessandro (Dagoberto); Leandro Damião. Técnico: Dorival Júnior.

Gols: Neymar (18/1º, 8/2º e 19/2º), Leandro Damião (18/2º)
Cartões amarelos: Neymar, Juan e Elano; Índio, Elton, Kleber, D’Alesandro, Bolatti, Tinga, Dagoberto;
Arbitragem: Evandro Rogério Roman, com Dibert Pedrosa e Rodrigo Pereira Joia;
Local: Vila Belmiro, em Santos.