quinta-feira, 10 de outubro de 2019

Veranópolis: AAV venceu a primeira partida das quartas de finais da Liga Gaúcha.


Na última terça a noite, a Associação Atlética Veranópolis recebeu a multi campeã ASAF pelo jogo de ida das quartas de finais da Liga Gaúcha Sub17. A partida iniciou com a equipe de Santo Ângelo abrindo 2 a 0 no placar, mas com muita determinação e empurrada pela torcida a equipe veranense virou a partida, vencendo por 4 a 3. O resultado positivo faz com que a AAV tenha a vantagem do empate no tempo normal para avançar a próxima fase, caso a ASAF vença a partida, ocorrerá uma prorrogação e persistindo o empate a decisão irá para os pênaltis. A partida decisiva acontecerá no próximo domingo às 15h em Santo Ângelo.

Trocando Ideia: Segunda tem eleição Pentacolor


Boas noticias nos deixam felizes, especialmente quando dizem respeito a pessoas que a gente gosta e aprendeu a admirar. Por isso, a conquista do Gilmar Dal Pozzo e do Luciano Cardoso Borges(Lucianinho) foi a boa do final de semana. Em um processo de reconstrução no Náutico, após um dos períodos mais difíceis da história, com o rebaixamento em 2017, o Timbu, como é chamado por lá, fez questão de ir além da festa pelo acesso, acabando também com um incômodo jejum de conquistas nacionais, e esta retomada veio pelas mãos da dupla aqui da terra. Este exemplo pode servir ao Veranópolis Esporte Clube, alias, mais um que mostra o caminho para o retorno do Pentacolor. Um trabalho bem planejado pode sim ali adiante atingir seus objetivos. Os próximos dias podem ser importantes para o time da Terra da Longevidade. Além da eleição da diretoria que vai ser comandada por Gilnei Fávero, que é o presidente do conselho, na próxima segunda-feira, também pode ser anunciado o treinador a qualquer momento. A chapa da nova direção não deve ter muitas alterações, afinal, por enquanto é única, e é da situação. Os presidentes serão os mesmos Gilberto e Vilson continuarão, e tem como objetivo recolocar o time na primeira divisão. Os demais integrantes saberemos em breve, alguns serão novos, mas a grande maioria deve continuar. Você torcedor Pentacolor neste momento pode se perguntar; mas porque os mesmos que foram rebaixados continuam a comandar o time? Duas respostas, primeiro...quando não conseguimos atingir um objetivo, e temos a oportunidade de tentar de novo...o que fazemos? Acho que buscamos fazer melhor. Acredito ser este um dos motivos. O outro é simples, não tem oposição, ninguém colocou a cara para bater. Ninguém tem a coragem suficiente para encarar esta tarefa. Portanto meu amigo torcedor, acho que devemos abraçar os que assumem esta tarefa e ficar ao lado deles, cobrar sim, aplaudir também, mas depositar nossa confiança em quem quer acertar. O momento de enfrentar os adversários está se aproximando, e aos poucos tudo vai se encaixando, em breve saberemos quem será o treinador, e quais serão os jogadores que vestirão a camisa que tantos momentos de alegria nos proporcionou.