segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Olimpíadas: A fantástica história de uma refugiada. Yusra Mardini salvou nadando um barco com refugiados


Mais do que nossa torcida, Yusra Mardini já conquistou nosso coração. Com apenas 18 anos, a jovem de Damasco fez sua estreia no sábado (6) na Olimpíada do Rio, como parte da Equipe Olímpica de Atletas Refugiados. Ela compete na modalidade 200 metros nado livre. 
"A bandeira Olímpica une todos nós, que agora representamos 60 milhões de pessoas pelo mundo", conta ela a respeito do Time dos Refugiados, composto também por atletas do Congo, do Sudão do Sul e da Etiópia.


Sobrevivente de uma guerra civil que já dura mais de cinco anos e já matou mais de 400 mil pessoas ela fugiu do caos na Síria nadando.
"Eu quero que todos pensem que os refugiados são seres humanos normais, que tiveram que deixar sua casas. Não porque eles quiseram, não porque eles queriam ser refugiados ou fugir ou então fazer de sua vida um drama. Eles tiveram que sair. Para ter uma nova vida. Para ter uma vida melhor."
Yusra e sua irmã, Sarah, foram responsáveis por salvar o passageiros desesperados quando o barco que fazia a perigosa travessia entre a Turquia e a Grécia encalhou. Elas nadaram durante três horas e meia até o barco atravessar o Mediterrâneo.

“Algumas pessoas não sabiam nadar”, disse Yusra, que representou a Síria no Campeonato de Natação no Mundial FINA em 2012. “Teria sido vergonhoso se as pessoas em nosso barco tivessem se afogado. Eu não iria ficar sentada e reclamar que eu poderia me afogar”. Filha de um técnico de natação, ela começou a nadar aos três anos, conta o New York Times.
Vivendo em Berlim, na Alemanha, desde setembro do ano passado, ela tem uma mensagem mais importante do que qualquer medalha para transmitir:
“Eu quero representar todos os refugiados para mostrar a todos que, depois da dor, depois da tempestade, vem a calmaria. Eu quero inspirá-los a fazer algo bom de suas vidas”.

Fonte: brasilpost

Inter chama o reforço de Fernando Carvalho e Ibsen Pinheiro, e contrata Celso Roth para sair do pior momento já vivido.


Após anunciar a saída de Falcão no início da tarde de segunda-feira (8), o Inter tem acerto encaminhado com Celso Roth. O clube ainda pretende anunciar, em entrevista coletiva nesta terça (9), o retorno de Fernando Carvalho e Ibsen Pinheiro ao departamento de futebol.
Desde a derrota para o Corinthians, em 31 de julho, Vitorio Piffero acumula os cargos de presidente e de vice de futebol. Na ocasião, o então vice-presidente da pasta, Carlos Pellegrini, pediu dispensa da função.
O departamento deve ser composto por Ibsen Pinheiro, vice-presidente de futebol, Fernando Carvalho, assessor, e Newton Drummond, conhecido como Chumbinho, executivo. A coletiva de imprensa está marcada para as 9h de terça.

NOVA PRATA: RÚSTICA REÚNE ATLETAS DO TODO O ESTADO E DE SANTA CATARINA


No domingo de sol, 07, a 3ª Rústica de Nova Prata reuniu pessoas diferentes na Praça da Bandeira. Eram corredores, atletas profissionais e amadores, que participam do evento esportivo realizado pelo Kalábia Runners, com o apoio da Secretaria Municipal de Esportes.
Foram 109 corredores nas categorias infantil e adulto. Eles vieram de várias partes do Estado e até de Santa Catarina. Após o aquecimento, crianças e adolescentes largaram em um percurso menor que os adultos. A alegria, o colorido e a vontade de chegar em primeiro lugar esteve nas ruas e avenidas do entorno da Praça da Bandeira. 
Logo após a chegada dos menores, os adultos, categorias masculina e feminina, largaram para um percurso de cinco quilômetros, trajeto percorrido em duas voltas na rua Henrique Lenzi e nas avenidas Fernando Luzzatto, Borges de Medeiros, Júlio de Castilhos e Presidente Vargas, retornando à Praça da Bandeira.
A premiação reuniu os atletas de todas as faixas etárias que receberam troféus, medalhas e premiação em dinheiro, R$ 3 mil no total. A entrega foi feita pelos secretários de Esportes e da Indústria, Comércio e Turismo, Adir Concari e Everson Marca; o diretor de esportes da Câmara Cultural da Indústria, Comércio e Serviços (CIC), Gustavo Mazzarollo; do presidente da Sociedade Educativa e Recreativa Kalábia, Paulinho Girardi; pelo representante da diretoria do Kalábia Runners, Maurício Zanon, e pela representante dos patrocinadores, Sonia Reginato. Todos os atletas receberam medalha de participação. A maior equipe veio de Veranópolis, a Sameve. 
O Kalábia Runners agradece à Secretaria Municipal de Esportes pela oportunidade da parceria e realização e aos apoiadores da prova: Delta Som e Luz, Corsan, Unimed Vale das Antas, Point Conveniências, Quality Frutas/Bananas Pedron, Academia Clínica Fitness, Maçãs CominSul e, principalmente aos participantes da 3ª Rústica de Nova Prata. 
Os resultados das provas estão disponíveis no site www.cardume.net/rusticanovaprata. Saiba mais sobre a Kalábia Runners na página facebook.com/kalabiarunners

Fotos:Renata Grzegorek/Correio Livre.

Olimpíadas: Saiu a primeira medalha de ouro para o Brasil, e foi no judô.

Enfim o judô brasileiro conseguiu desencantar e conquistar a primeira medalha de ouro para o país nos Jogos Olímpicos Rio 2016. A detentora do feito foi a carioca Rafaela Silva, na categoria até 57kg, que derrotou nesta segunda-feira a mongol Sumiya Dorjsuren. 
Na grande final, a judoca brasileira aplicou um wazari logo no início do confronto e levou o resultado até o final da disputa.

Nova Prata: SER Amigos faz preparação para o Municipal 2016


Vai começar em breve o campeonato amador de Nova Prata, e as equipes estão se preparando para esta competição. O SER Amigos é uma das equpes que irá jogar, e para isso trabalha na preparação da equipe com jogos preparatórios ao campeonato municipal 2016. A equipe vermelha e branca de Nova Prata realizou um amistoso contra o sub 19 do VEC no sábado dia 06/08. O jogo aconteceu no faixa azul Vila Flores e serviu também de preparação do Veranópolis Esporte Clube que jogará o campeonato estadual da categoria. Para este ano no municipal de Nova Prata o SER Amigos vai aproveitar 7 atletas da base entre 15 e 16 anos, mostrando resultado do trabalho feito dentro da escolinha de futebol que é trabalhada pelo clube. No amistoso contra o VEC, o Amigos contou com 19 atletas sendo sete então, oriundos da escolinha.


Andrei, Duda, Matheus, Maicon Cielo, Léo, Everton, Xuxa, Andrews Bottin , André e Claunir
Agachados
Gregori, Dudu Guelere, Rafinha, Guilherme, Ariel, Weslei, Botin, Guilherme, Gustavo e Bruno.