quarta-feira, 28 de agosto de 2019

Trocando ideia: Ginásio Luiz Antônio Rigo pede socorro!


A cidade de Nova Prata tem uma tradição muito grande com o futsal, e não se pode separar esta prática esportiva com o GALERA, time que marcou profundamente o orgulho pratense e regional com o time azul e branco. Fundado em sete de Fevereiro de 1980, o Grêmio Atlético Literário Esportivo Recreativo Assistencial – GALERA, foi campeão do Campeonato Gaúcho 1ª Divisão 1990 (Série Prata), e participou dos Campeonatos Gaúchos de 1980, 1991, 1992, 1993, 1994, 1998, e do Campeonato Gaúcho Série Prata 1990. A casa do GALERA sempre foi o ginásio Luiz Antônio Rigo, na época moderno e bem estruturado. Os anos foram passando e o ginásio perdeu seu charme, não recebeu os cuidados necessários e acabou ficando obsoleto, e com muitos problemas. Como o time azul e branco que ficou na história, o ginásio perdeu seu brilho e hoje pede socorro para poder reviver seus áureos tempos de gloria. O cheirinho de cachorro-quente e pastel desapareceu. O ginásio lotado, com torcida vibrante e vestindo a camisa do time também não existe mais. As grandes jogadas, a emoção do gol...o clima do futsal deixou de habitar o velho ginásio. Nele passaram grandes finais de campeonato, shows e momentos especiais...hoje o ginásio não pode ser utilizado nem para os jogos em horários disponíveis aos interessados. É forte eu sei, talvez alguém não goste do que escrevi, mas é exatamente para ajudar que estou comentando esta situação, e espero sinceramente, que um dia, e o mais breve possível, este patrimônio de Nova Prata possa ser recuperado. Por acompanhar o esporte, sei que existe o desejo de equipes desbravarem novamente o esporte pelo estado carregando o nome da cidade, e sei também, ou melhor, todos nós sabemos, que para isso é preciso uma casa completa, com as medidas necessárias e a infraestrutura adequada para que o futsal, vôlei ou qualquer outro esporte que necessite de um ginásio em condições possa desenvolver seu planejamento plenamente. Por isso, faço aqui um apelo...devolvam o Luiz Antônio Rigo a população, e o mais breve possível. Quero deixar claro que não é culpa de uma ou de outra administração, mas sim, de uma sequência de avaliações erradas...concerta aqui, ali...mas nunca foi realizada uma reforma geral, que atenda todos os problemas e enfim, que se modernize e se dê as condições a este espaço tão especial ao desportista da cidade e região. Eu particularmente joguei, e principalmente narrei grandes jogos naquele local, e por fazer parte da minha história, sinto como que fizesse parte...assim como um amigo, um parente próximo, este local que nasceu para a prática esportiva. Vamos lá, cobrar uma ação mais eficaz, também é meu papel como comentarista, e tenho certeza que este texto representa muitos apaixonados pelo esporte em Nova Prata e região.