quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Gauchão 2019: Árbitros e auxiliares do RS realizaram pré-temporada em Flores da Cunha


A CEAF/RS realizou na cidade de Flores da Cunha, a pré-temporada dos árbitros gaúchos no Hotel Flores da Cunha e estádio Homero Soldatelli. Foram tratados naquele período, diversos assuntos inerentes as regras do jogo, regulamento da competição e técnicas de arbitragem. 


Os assuntos abordados foram os seguintes:
1 - Posicionamento e deslocamento dos árbitros e árbitros assistentes;
2 - Agarra/agarra dentro da área e incidentes na área penal;
3 - Mão na bola, bola na mão e penalti;
4 - Uso do braço faltoso;
5 - Instruções aos quartos árbitros; 
6 - Conduta da arbitragem;
7 - Preenchimento de súmulas;
8 - Faltas imprudente, temerárias, com força excessiva e táticas;
9 - Carrinhos faltosos, passíveis de cartão amarelo e vermelho;
10 - Impedimentos;
11 - Reclamações acintosas contra a arbitragem, vinda das comissões técnicas e/ou atletas;
12 - Controle da área técnica.


A execução dos trabalhos de sala de aula e campo contou com a presença dos membros técnicos da CEAF/RS, Srs Luiz Fernando Moreira, Alexandre Barreto, José Mocellin, Leonel Pandolfo, os secretários Emílio Mario e Yuri, como também dos instrutores FGF/CBF (credenciados pela Escola Nacional de Árbitros de Futebol do Brasil) Srs. Francisco Neto, Márcio Coruja, Paulo Conceição, José Franco Filho e Marcelo Barison.

Gauchão 2019: Avenida, primeiro adversário do VEC, fez sua preparação para quatro competições


O Avenida, primeiro adversário do Veranópolis Esporte Clube, não tem apenas o Gauchão e a Copa FGF em 2019. Nesta temporada, a equipe vislumbra as disputas da Copa do Brasil (estreia contra o Guarani de Campinas) e da Série D do Brasileirão. Por isso, além de manter o técnico Fabiano Daitx e a base do ano passado, o clube buscou se reforçar para alcançar um patamar mais alto no cenário nacional. 
A disputa da Copa Wianey Carlet, na temporada passada, era encarada como uma preparação para este ano. O time, porém, conseguiu mais. Venceu a competição e, de lambuja, disputará a Recopa Gaúcha contra o Grêmio. A manutenção da estrutura de jogo é, para o treinador, a razão para o sucesso recente. 
O time base utilizada na pré-temporada teve Fabiano; Felipe Cordeiro, Luís Henrique, Yuri e Roger; Jô, Felipe Manoel, Welder e Maurício; Alexandre e Flávio Torres. Fabiano Daitx chega à 4ª temporada no comando do Avenida. Busca manter a evolução do time que fez boa campanha no Gauchão 2018 e conquistou a Copa Wianet Carlet no 2º semestre.
Na tarde de quarta-feira dia 16 o elenco do Avenida treinou no CT Águia Master, visando a estreia no Campeonato Gaúcho, neste sábado, dia 19, contra o Veranópolis no estádio Antônio David Farina.

Gauchão 2019: Dupla terá que cumprir punição nos primeiros jogos do campeonato


Grêmio e Inter não terão espaço para torcidas organizadas nas três primeiras rodadas do Gauchão e nem presença de torcida visitante nos dois primeiros jogos fora de casa. Os clubes foram punidos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pelos tumultos ocorridos no Gre-Nal 415, no Beira Rio, em partida válida pelas quartas de final do estadual do ano passado.

Por isso, gremistas e colorados não terão setor exclusivo para visitantes nem terão carga de ingressos disponibilizados. De acordo com a decisão, é proibida ainda a entrada com indumentária, faixas e símbolos que identifiquem as organizadas.

Para a estreia contra o Novo Hamburgo, no Estádio do Vale, o Tricolor não deve ouvir o alento de seus torcedores. O departamento jurídico do Grêmio estuda entrar com uma ação para reverter a desisão do STJD. O jurídico do Inter, por sua vez, pedirá esclarecimentos ao tribunal.

Os jogos afetados e as punições

20/01 - Novo Hamburgo x Grêmio - sem torcida visitante
20/01 - São Luiz x Inter - sem torcida visitante
23/01 - Aimoré x Grêmio - sem torcida visitante
24/01 - Inter x Pelotas - sem torcidas organizadas do Inter
27/01 - São José-RS x Inter - sem torcidas visitante
28/01 - Grêmio x Juventude - sem torcidas organizadas do Grêmio

O Noia comunicou, em seu site, que “por medida do STJD não será colocada à venda ingressos para a torcida visitante”. O gestor do clube, Marcos Bock, afirmou que a orientação partiu da Federação Gaúcha de Futebol (FGF) e disse que o setor será aberto para a torcida anilada. Os ingressos são vendidos no Estádio do Vale por valores que vão de R$ 60 a R$ 120.

Os colorados de Ijuí que forem ao 19 de Outubro também não poderão apoiar o time contra o São Luiz em uma área só deles. O Rubro comercializa as entradas na secretaria do clube, no próprio estádio 19 de Outubro, por valores que variam de R$ 60 a R$ 160. Porém, não poderá vender para torcedores que se identifiquem com o Internacional. Solicitam até que nenhum torcedor vá à partida com a camisa colorada.

O departamento jurídico do Inter pediu esclarecimentos ao STJD sobre a decisão. O clube busca saber se corre o risco de ser punido pela presença de algum torcedor em outros setores do estádio que tenham comprado o ingresso como torcedor do São Luiz.

Fonte: Globo Esporte