sábado, 10 de janeiro de 2015

Conheça os técnicos dos times do interior do gauchão 2015

No quarto ano
Leocir Dall'Astra (Ypiranga) e Rogério Zimmermann (Brasil-Pel). Um assumiu o Ypiranga em fevereiro de 2012. O outro assumiu o Brasil-Pel em maio daquele ano. Em quase três anos, viveram bons e maus momentos. Mas levantaram taças.

No terceiro ano
Julinho Camargo (Veranópolis)
Ex-auxiliar de Falcão no Inter, teve rápida passagem como técnico do Grêmio em 2011. Está desde fevereiro de 2013 na equipe da Serra. Naquele ano, o time foi à semifinal da Taça Farroupilha. 

No segundo ano
Luís Antônio Zaluar (Cruzeiro-Poa) e Toquinho (São Paulo-RG). Os dois fizeram boas campanhas ano passado e foram mantidos. Zaluar levou seu time às quartas de final. Toquinho livrou a equipe de Rio Grande do perigo do rebaixamento.


Campeão de tudo
Luiz Carlos Winck (Lajeadense)
Ano passado, conquistou três títulos no Lajeadense: Copa Fernandão, Copa Sul-Fronteira e Supercopa Gaúcha. Também fez ótimos trabalhos no Passo Fundo e no Esportivo.


Pupilos de Felipão
Roger Machado (Novo Hamburgo) e Gilson Cabeção (São José). Dois jogadores de Felipão no Grêmio nos anos 90 treinam estas equipes. Roger terá um time de medalhões no Estádio do Vale. E Gilson tenta injetar ânimo no time do Passo D'Areia.


Ex-zagueiros da Serra
Picoli (Juventude) e Paulo Turra (Caxias). Os ex-defensores tentam recolocar as equipes serranas no caminho dos títulos. Picoli foi campeão da Copa do Brasil 1999 pelo Juventude. Turra levantou o Gauchão 2000 pelo Caxias.


Busca pela afirmação
Paulo Porto (Aimoré) e Beto Campos (Passo Fundo). Ambos são conhecidos por boas campanhas no Estado. Porto já levantou a Taça Piratini com o Caxias em 2012. Ano passado, Beto Campos levou o time serrano à semifinal do Gauchão.


Da Divisão de Acesso
Tonho Gil (Avenida) e Rodrigo Bandeira (União-FW). Dois técnicos que agora buscam reconhecimento na elite do futebol gaúcho. No ano passado, Gil levou a melhor sobre Bandeira na decisão do segundo turno da Divisão de Acesso.