domingo, 19 de outubro de 2014

MUNICIPAL DE FUTEBOL DE CAMPO DE PARAI - RODADAS A PARTIR ALTERAÇÕES POR CAUSA DO MAU TEMPO

25º Campeonato Municipal de Futebol de Campo de Paraí – 2014
Realização: CMD/Paraí 
1ª Fase
Dia 25 de outubro de 2014 (sábado)
Local: Campo da Comunidade da Capoeirinha
15 horas – Categoria Livre – Independente x Palmeirinha
17 horas – Categoria Livre – Capoeirinha x Cerpa
Dia 25 de outubro de 2014 (sábado)
Local: Campo da Comunidade do Pinheirinho
15 horas – Categoria Livre – São Luis x Goretti
17 horas – Categoria Livre – Pinheirinho x Salete
Dia 01 de novembro  de 2014 (sábado)
Local: Campo Municipal de Paraí
15 horas – Categoria Livre – Pinheirinho x Cerpa
17 horas – Categoria Livre – Independente x Salete
Dia 01 de novembro de 2014 (sábado)
Local: Campo da Comunidade de  São Luis
15 horas – Categoria Livre – Capoeirinha x Navegantes
17 horas – Categoria Livre – São Luis x Palmeirinha

Nesta segunda tem Timaço do Peito. O VEC joga contra o Juventude.

O jogo do VEC pela Super Copa Gaúcha, chave serra, não aconteceu neste domingo. O jogo foi remarcada para esta segunda feira do ADF. O jogo marcado para às 16:00 horas, terá como adversário o Juventude. O Veranópolis precisa somar mais três pontos para poder continuar na competição. Hoje o VEC continua no G4, mas precisa somar pontos para consolidar sua classificação. Portanto torcedor Pentacolor, vamos ao estádio nesta segunda feira às 4 horas da tarde. A 96,1 FM transmite para você.

Brasil de Pelotas agora é série C do Brasileiro

O Brasil de Pelotas está garantido na Série C do Brasileirão em 2015. A equipe do Sul do Estado perdeu nos 90 minutos para o Brasiliense por 2 a 1, mas levou a melhor nos pênaltis e avançou para as semifinais da Série D. O herói da partida foi o goleiro Eduardo Martini, que pegou duas penalidades. Após vencer em Pelotas por 2 a 1, o Xavante tinha a vantagem do empate em Brasília, mas acabou passando por muito sofrimento para avançar de divisão. No tempo normal, o Brasiliense abriu 2 a 0 com gols de Luiz Carlos, ainda na primeira etapa. Antes da virada de campo, contudo, Nena diminuiu e garantiu o escore mínimo para a decisão por pênaltis. O Brasil desperdiçou sua primeira cobrança, mas Eduardo Martini defendeu na rodada seguinte. Ambas as equipes confirmaram até o 4 a 4, mas na última cobrança da equipe do Distrito Federal, Martini voltou a brilhar e defendeu. Rafael Foster foi o responsável pela última cobrança e fulminou as redes, garantindo o Xavante na Série C.

Poucas mulheres no futebol! E as bonitas são punidas!


O presidente eleito do Grêmio é homem, assim como será o sucessor de Giovanni Luigi. Uma mulher com assento nos dois conselhos deliberativos é um acontecimento. Não há treinadoras, preparadoras físicas, executivas de futebol, médicas. Quando muito, nutricionistas e assistentes sociais, funções por alguma razão associadas ao sexo feminino. Já elegemos presidenta, governadoras e prefeitas, mas o futebol segue uma grande Arábia Saudita. As mulheres são bem vindas desde que fiquem só torcendo. Perto dos closes da TV, longe das decisões. Não há ambiente mais machista e conservador. As exceções, aqui e ali, só confirmam a regra. A arquiteta Diana Oliveira, por exemplo. É vice eleita no Beira-Rio, mas quantas houve antes dela e quantas virão depois? Patrícia Amorim presidiu o Flamengo, que é um mundo. Não ganhou nada relevante e entregou as finanças em anemia profunda. Houve um exército de mandatos masculinos ruins na Gávea, mas só o dela mereceu a crítica de gênero. Toda vez que se fala de mulher dirigente, alguém diz: "é, mas lembra da Patrícia?"
Não é de estranhar, portanto, o silêncio em relação ao ostracismo da catarinenseFernanda Colombo Uliana. Ela é bandeirinha e marcou impedimento de Alisson, aos 41 minutos do 2º tempo, no clássico entre Atlético-MG e Cruzeiro, primeiro turno do Brasileirão. Errou. O Cruzeiro perdeu de 2 a 1 e, claro, apareceu um cartola para xingá-la e ficar de bem com a galera. Disse o diretor Alexandre Mattos: "se ela é bonitinha, que vá posar na Playboy. Não tem preparo, os caras gritam e ela erra". Além de dizer asneiras, Alexandre precisa de óculos. Fernanda, 23 anos, não é bonitinha. É linda. Mulheres deslumbrantes, especialmente as loiras de olhos azuis, chamam a atenção desde a descoberta do fogo. Se é aspirante Fifa (logo, tem preparo) em um ambiente machista, mais ainda. Até um plâncton sabe disso. Então, no que desnudar suas linhas de ataque e defesa para felicidade geral da nação prejudicaria o seu trabalho? Qual o problema de Fernanda aparecer na revista e ser árbitra auxiliar?
- Nenhum, mas no meu caso tenho de fazer uma opção. É um trabalho artístico e comercial como qualquer outro, sem necessariamente ser vulgar, mas o futebol não aceitaria. Então, se eu quiser fazer carreira na arbitragem, e eu quero muito, não dá.


Fernanda Uliana nega que esteja cobrando cachê para ir a eventos: "tudo mentira" 

O fato é que a CBF, uma entidade à frente de seu tempo, com seus dirigentes jovens e atualizados, irritou-se ao vê-la na mídia. No jogo entre Grêmio e Sport, um auxiliar marcou impedimento de Barcos com a bola vindo do adversário, uma mancada estratosférica. Os homens erram a rodo e menos de 1% deles é castigado como ela.
- Quando fui afastada disseram que seria uma reciclagem, para depois voltar aos poucos. É o que tenho feito: treinado o dobro. Preciso cravar todos os testes físicos e reduzir a margem de erro ao máximo. O erro será menos tolerado para mim. Desde aquele jogo, só trabalhei nas séries C e D. Mas sou jovem. Não vou desistir.

Negros são chamados de macacos, mulher só entra como artigo decorativo e a homofobia cresce. Emerson Sheik começou a cair em desgraça quando deu selinho em um amigo e postou na Internet. O futebol é conservador demais. Não é só reflexo da sociedade. É mais. As pessoas vão ao estádio e, nele, se permitem comportamentos mais violentos, mais arrogantes, mais desrespeitosos com o vizinho, mais homofóbicos, mais racistas. Fernanda já está pensando em abrir mão da maquiagem e até desalinhar o cabelo quando vestir o uniforme. Fica mais feia é impossível, mas de repente ajuda. Só falta exigirem que ela entre em campo de burca.
Fonte: Clicrbs

Citadino 2014 teve rodada adiada para o próximo sábado

A 3ª rodada da Copa Jocimar Antônio Ghidini de futebol 2014 que ocorreria no sábado (18), foi transferida devido ao mau tempo. Os jogos serão disputados no próximo final de semana, dia 25 em novos horários. Confira
15h - Metralhas x Guarani – Estádio Alsemiro Laurino Guzzo
17h – Juventus x Valência - Estádio Alsemiro Laurino Guzzo
15h - Estrela D’Alva x Haliança – Estádio Christian Alves da Silva
17h – União Castilhense x Cruzeiro - Estádio Christian Alves da Silva
15h – Kizomba x Planalto – Estádio Ernesto Marcelino Parise
17h – Valverde x Armação - Estádio Ernesto Marcelino Parise.