quinta-feira, 14 de junho de 2012

Novo Treinador do Caxias - Joel Cavalo


O Caxias deixou qualquer ousadia de lado e vai encarar 2012 com os pés no chão. É com esta filosofia que a diretoria do clube apresentou, na tarde de ontem, Joel Cavalo para ser o comandante do Gualicho na divisão especial do Campeonato Catarinense. O campeonato começa em três semana e o treinador terá que correr contra o tempo para deixar o grupo pronto para a estreia.
Joel é ex-atleta profissional. Atuou em vários times do futebol gaúcho, como a dupla Caxias e Juventude, e chegou a jogar no Fluminense, quando venceu a Série C, em 1999, sob o comando de Carlos Alberto Parreira. Está há três anos trabalhando como técnico. Comandou times da segunda divisão gaúcha e paranaense, mas ainda não conquistou um título.
“Quem sabe possa ser agora, no Caxias. Vamos tentar fazer um trabalho para ser reconhecido no final”, afirma.
De acordo com José Wilson, presidente da Sociedade Amigos do Caxias (SAC), a vontade é de fazer um projeto de no mínimo dois anos com o novo treinador. Em 2012, o objetivo é não cair e se estruturar para que em 2013 o time possa dar um salto de qualidade e chegar à elite do futebol catarinense.
Para não voltar a repetir os erros do ano passado, quando os atletas passaram alguns meses sem receber salários e até ameaçaram não entrar em campo, a aposta será na utilização de atletas dos juniores.
“Vamos trabalhar em 2012 dentro das nossas condições. Vamos fazer um bom trabalho de base e plantar hoje para colher daqui dois anos”, explica o dirigente. 

Conheça o Caxias de Joinville - Santa Catarina
O Caxias Futebol Clube foi fundado em 12 de outubro de 1920, por vários simpatizantes de um esporte que então ainda dava seus primeiros passos na Manchester Catarinense. Vários clubes se iniciavam na nova arte, sendo o mais proeminente o América Futebol Clube, fundado seis anos antes.
Entre os pequenos de então se encontravam o Vampiro e o Teutônia. Seus adeptos resolveram juntar forças para fundar uma agremiação maior. Reunidos na propriedade dos Marquardt, na esquina das ruas São Pedro (atual Ministro Calógeras) e São Paulo, Antônio Vian, Armandos Paul, Edgar Schneider, Felipe Zattar, Genoviano Rodrigues, Jaser Vieira, Joaquim das Neves, João Lorenzi, Osvaldo Marquardt, Paulo Kock e Rigoletto Conti fizeram surgir o Caxias Futebol Clube, nome dado em homenagem ao Duque de Caxias, Patrono do Exército Brasileiro. As cores escolhidas foram o branco do Teutônia e o preto do Vampiro. Surgia assim um adversário à altura do alvi-rubro. Seu primeiro presidente foi Osvaldo Marquardt. O primeiro prélio registrado entre aqueles que se tornariam os maiores rivais do futebol joinvilense se deu no campo do América, então situado na Rua do Mercado (atual Av. Procópio Gomes), esquina com a atual Rua Padre Kolb, onde hoje está o SENAI. Foi disputado em 6 de março de 1921, como parte das festas pelo 70º aniversário da cidade. E o alvinegro ganhou por 2 a 1. Marcaram Afonso Kruger e Waldemar Moreira para o Caxias, descontando Alfredinho Zattar para o América. O time do primeiro clássico foi: Paschoa, Camarão, Braga, Mané Gaspar, Paulo Koch, Joaquim da Neves, Carlos Butschardt, Afonso Kruger, Carlos Lopes, Candinho e Waldemar Moreira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar.