quinta-feira, 26 de julho de 2012

STJD: D'Alessandro escapa do gancho de seis meses


D'Alessandro não corre mais risco de uma suspensão longa, de meio ano, como o procurador geral do STJD, Paulo Schmidt, chegou a imaginar, pela sua expulsão contra o Atlético-MG, no dia 18. Schmidt analisou novamente o lance e a súmula do árbitro paulista Marcelo Aparecido de Souza - que relatou ter levado uma "peitada" do jogador - e decidiu que denunciará o argentino por hostilidade ou desrespeito (artigo 258 do CBJD, que versa sobre assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva), com uma pena bem inferior ao meio ano de gancho.
- Denunciá-lo por agressão física seria muito pesado. O que ele fez é caso de hostilidade ou desrespeito. Se punido, D'Alessandro poderá pegar de um a 10 jogos de suspensão - disse Schmidt.
A denúncia será encaminhada pelo procurador ao Tribunal na próxima semana. O julgamento deverá ocorrer em 15 dias, mas ainda não tem data marcada. Na súmula da partida - derrota do Inter por 3 a 1 em Belo Horizonte, no jogo que derrubou Dorival Júnior -, o árbitro Marcelo Aparecido de Souza escreveu que o motivo do cartão vermelho ainda no primeiro tempo foi uma agressão proposital. Souza descreveu o ato como "uma peitada" e que argentino ainda disse:
- Está louco, maluco?
Fonte: Dupla Explosiva/clicrbs

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar.