quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Ricardo Graiche auditor do STJD, pede licença, e Tribunal abre sindicância

O auditor do STJD, Ricardo Graiche, pediu licença de suas atividades no Tribunal por conta da repercussão de imagens de suposto cunho preconceituoso postadas em seu perfil no Facebook. A entidade abriu sindicância para apurar as atitudes do advogado. Conforme a Rádio Gaúcha, mensagens que mostram imagens como o de uma bebê negra enrolada em um rótulo de refrigerante teriam sido postadas. Graiche é um dos cinco auditores do STJD que decidiu, nesta quarta-feira, pela exclusão do Grêmio da Copa do Brasil pelos atos racistas contra o goleiro Aranha. As imagens, que seriam de 2012, teriam sido retiradas ainda na madrugada. O perfil do advogado na rede social foi excluído pouco depois da 1h. A Rádio Gaúcha tentou contato com o auditor pela rede social e também por telefone, mas não obteve sucesso.