quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Gauchão 2016: Porque o Glória não pode jogar em seu estádio contra o VEC


Desde o rebaixamento em 2007, o torcedor do Glória aguarda ansiosamente o retorno à primeira divisão. Objetivo alcançado em 2015. Desde então, o torcedor do Leão da Serra espera a estreia em casa. Quando saiu a tabela ficou definido que o Glória abriria o campeonato como mandante contra o VEC. Mas uma confusão na segunda rodada do quadrangular final da Segundona vai impedir que a estreia seja no estádio Altos da Glória. 
Na ocasião, o Leão recebeu o Brasil de Farroupilha. A arbitragem não estava agradando nem um pouco a torcida local, tanto que nos últimos minutos do primeiro tempo o jogo precisou ser interrompido para conter os torcedores que estavam jogando água, cerveja e gelo em um dos bandeirinhas. O juiz colocou na súmula e o Glória perdeu um mando de campo. Sem poder estrear em casa, a direção tem que definir um novo local. Até o momento as opções trabalhadas são o Vermelhão da Serra do Passo Fundo, estádio Centenário do Caxias, o Colosso da Lagoa em Erechim, e agora o estádio da Castanheiras em Farroupilha. Se for confirmado a peleia na casa Grená, a partida deverá ser antecipada para o dia 29 de janeiro. Já que dia 30, o Juventude recebe o São Paulo e no dia 31, o Brasil vai mandar o seu jogo contra o Grêmio no próprio Centenário. A primeira partida no Altos da Glória será na quarta rodada contra o Brasil de Pelotas no dia 13 de fevereiro, às 17h.


Confira o que o juiz Jonathan Benkenstein Pinheiro colocou na súmula no jogo da Divisão de Acesso de 2015.
"Informo que aos 47 minutos de jogo, a partida precisou ser interrompida devido a constantes arremessos de água, cerveja e gelo no assistente número dois, SR. Élio Nepomuceno Júnior. Informo que no primeiro tempo já havia sido chamado a atenção da equipe mandante sobre o fato que estava prejudicando o trabalho da arbitragem. A partida ficou paralisada por três minutos. E retornou com um efetivo de dois policiais militares no local de trabalho do assistente número dois, SR. Élio Nepomuceno Júnior."
Fonte: esportche.rs/