sexta-feira, 22 de abril de 2016

Skatista cai enquanto praticava downhill e morre em Caxias do Sul


Praticante da modalidade downhill, o skatista Evandro Schenato, 50 anos, morreu no final da manhã de quinta-feira em Caxias do Sul, na Serra. De acordo com a Polícia Civil, o homem estava na companhia de outros quatro esportistas quando perdeu o controle do skate na descida de uma ladeira, numa velocidade estimada de 80 km/h, por volta das 11h30min. Schenato, que integrava a International Downhill Federation (IDF) — entidade com membros de diversos países que organiza campeonatos internacionais —, bateu a cabeça no chão e sofreu traumatismo craniano. Ele foi arrastado por quase 50 metros, recebeu atendimento médico no local, mas não resistiu ao impacto. O acidente ocorreu na estrada Água Azul, que liga os distritos de Fazenda Souza e Santa Lúcia do Piai, no interior de Caxias. Em depoimento à polícia, uma testemunha que estava atrás do grupo, em um automóvel, relatou que Schenato tocou em outro skatista e, por isso, se desequilibrou.

— É uma estrada com descida bem acentuada. Mesmo estando de capacete e com todos os equipamentos exigidos, ele não sobreviveu porque andava muito rápido. Vamos apurar algum indício de crime. Porém, tudo indica que foi mesmo uma fatalidade — explica o delegado Ives Trindade.

Em outubro de 2015, Schenato participou da etapa do campeonato mundial da IDF em Águas de Lindóia (SP), onde ficou em oitavo lugar na categoria Master. Na ocasião, ele havia sofrido outro acidente e não pode terminar a competição porque se machucou. No downhill, disputado em ladeiras de diferentes comprimentos, o objetivo é percorrer os trechos o mais rápido possível. Conforme a polícia, a vítima aproveitava o feriado de Tiradentes para treinar com o grupo de amigos. Ninguém mais ficou ferido.