terça-feira, 16 de setembro de 2014

Nilmar é do inter

Após a demora de quase dois meses, finalmente, nesta terça-feira (16), o retorno de Nilmar para o Internacional foi confirmado e o anúncio oficial aconteceu. O clube acertou a volta do atacante com contrato para três temporadas, ou seja, até o fim de 2017 e de acordo com o jornal Zero Hora, com salário de aproximadamente R$ 400 mil. O jogador vestirá a camisa de número 7, em sua terceira passagem pelo Colorado. O atacante ganhou sua primeira chance, com apenas 18 anos, no comando de Muricy Ramalho, em 2003. Acabou vendido em 2004 para o Lyon, da França. Em 2005, pelo Corinthians, o atacante se sagrou campeão brasileiro. Em 2007, voltou para o Inter e no ano seguinte, foi o herói da Sul-Americana, ao marcar na decisão contra o Estudiantes. Em 2009, foi negociado com o Villarreal. Suas últimas passagens foram no Catar, nos times Al Rayyan e El Jaish.  O time gaúcho sofre desde o início do Brasileirão com a falta de opções para transformar as trocas de passes em chances de gol. Em 3º na tabela, o time ainda sente falta de opções de passes verticais para definir com velocidade as jogadas trabalhadas pelo meio-campo. E são as duas passagens anteriores do jogador pelo clube que nutrem a esperança do torcedor pelo seu retorno, para ser essa alternativa na parte ofensiva. Mas o Nilmar de agora é diferente do atleta no passado. Com 30 anos, está sem jogar desde a confusa rescisão de contrato com o Al-Jaish e, portanto, sem ritmo de jogo. A última vez em que esteve em campo foi há mais de quatro meses, 3 de maio. Soma cirurgias no joelho e há dois anos joga em um país com futebol muito diferente do brasileiro e pouco competitivo, o Catar. Na última temporada, marcou apenas quatro gols em 18 jogos. Já nas duas passagens pelo Inter, o atacante disputou 150 partidas, marcando 64 gols, e, por isso, volta com alto salário e a promessa de seu passado brilhante.