sexta-feira, 3 de março de 2017

Luciano Elias, para nós da região Pavão, foi consultado para ser executivo do Grêmio

Luciano Elias

Grêmio se reúne e negocia com Ximenes para cargo de executivo

Tricolor fala com 8 profissionais, mas foca em ex-Flamengo, Coxa e Flu. André Zanotta, ex-Sport, e Luciano Elias, ex-Copa do Mundo, estão entre os entrevistados

Ximenes
Depois de um longo período, o Grêmio está perto de ter um novo diretor executivo. O vice de futebol Odorico Roman se reuniu nesta sexta-feira com Felipe Ximenes, ex-profissional de Flamengo, Coritiba e Fluminense, para negociar questões salariais também com a presença do CEO do clube, Gustavo Zanchi. O Tricolor não tem um dirigente efetivo neste cargo desde maio do ano passado, com a demissão de Rui Costa, atualmente na Chapecoense. Além de Ximenes, os nomes de André Zanotta, ex-Sport, e Luciano Elias, gerente da Copa do Mundo em Porto Alegre e gerente de sede dos Jogos Olímpicos, estão entre os entrevistados pela diretoria gremista. 
O dirigente gremista encontrou Ximenes no hotel Deville, que serve de concentração para o Grêmio. A delegação está toda hospedada no local para o clássico Gre-Nal deste sábado, na Arena, pelo Gauchão. O encontro debateu questões financeiras referentes ao cargo, após o nome já ser aprovado pelo Conselho de Administração gremista. 

- O processo para diretor executivo está andando. Acredito que possa ser anunciado em breve, sim. Oito nomes foram entrevistados no processo - disse Roman em entrevista coletiva após o empate com o Ceará, nesta quinta, pela Primeira Liga. 

O Grêmio entrevistou oito profissionais para ocupar a função dentro do departamento de futebol e admite que Ximenes foi um deles. Tentou, antes de Ximenes, a contratação de Luís Vagner, que trabalha na parte logística da CBF e já passou pelo Tricolor, e Marcelo Rudolph, atualmente supervisor no clube e que não se achou pronto para se tornar executivo. 
O nome passou pela aprovação do Conselho de Administração do clube. A negociação atualmente se encontra em fase de acerto financeiro. Por isso, mais um encontro entre Ximenes e Roman, para mais uma rodada de negociações. O técnico gremista afirmou, em entrevista ao GloboEsporte.com, que indicara um nome para a função de executivo. 
O organograma do departamento de futebol, atualmente, conta com Odorico Roman como vice de futebol, Saul Berdichevski como diretor e Valdir Espinosa como coordenador técnico. Renato é o técnico e Alexandre Mendes o auxiliar. Faltava a figura do executivo, vaga desde a saída de Rui Costa, em maio do ano passado. Durante parte de 2016, Júnior Chávare, então coordenador da base, assumiu interinamente em parte da temporada, até a saída de Roger, em setembro, quando todo o departamento foi modificado. 
Ximenes teve sucesso no Coritiba, quando esteve no clube que foi duas vezes vice-campeão da Copa do Brasil. Em 2014, assumiu o Flamengo, mas foi demitido em dezembro daquele mesmo ano. Acumulou passagens por Criciúma e Goiás, onde ficou seis meses em 2016, até o momento.

Fonte: http: //globoesporte.globo.com/