segunda-feira, 26 de março de 2018

Veranópolis: Ficou tudo para 2019. VEC já pensa o gauchão do ano que vem


E o sonho do Veranópolis Esporte Clube de disputar a série D do Brasileiro e a Copa do Brasil, terminou aos 43 minutos do segundo tempo em Porto Alegre, no Passo D’areia. Ficou para o Pentacolor a vaga para 2019, a defesa menos vazada, a invencibilidade dentro do ADF e um grupo de jogadores que se não foi o melhor, talvez tenha sido um dos melhores dos últimos anos. Como fator negativo a não classificação para sequencia do gauchão, a falta de vitórias fora de casa e um ataque que pouco marcou. Mesmo assim, para comprovar o belo campeonato deste ano, técnico e alguns jogadores já estão, ou vão estar em outros clubes para o prosseguimento do ano de futebol para eles. Sananduva está no São Gabriel, Bertotto, Jair, Felipe Mationi e Rafael Bonfin no Juventude do Julinho Camargo. Wesley e Fabrício provavelmente no Caxias de Luiz Carlos Winck. Mais jogadores deverão ser anunciados em outros clubes, o que mais uma vez, demonstra que o grupo deste ano foi bem montado, com alguns problemas, mas bem montado, apesar dos erros normais de um time pequeno que não pode errar, mas erra. Para nós torcedores do Timaço do Peito, agora é esperar para o ano que vem, disputar a competição do segundo semestre da FGF não deverá fazer parte da programação do Pentacolor. O que resta para nós é acompanharmos a dupla GRENAL, as competições das cidades da região, neste momento o Planalto na Copa Libertadores do Nordeste, o Botafogo de Fagundes Varela no estadual sub17, a Associação Nova Prata na terceira divisão do estado e o Campeonato de Verão de futsal de Veranópolis, e ficarmos atentos nas promessas de melhorias, do ADF e da Palugana. 
Temos sim que comemorar a permanência do Pentacolor no gauchão de 2019, mas tem também a vontade de todos em disputar algo mais, porque já é hora, e porque incomoda que a imprensa do estado, especialmente de Porto Alegre, continue chamada o VEC de safrista, por jogar somente no verão, e somente o campeonato gaúcho. O que convenhamos, disputar o gauchão e com os pés no chão é muito importante, mas até para nós, subir mais um degrau é muito importante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar.