quinta-feira, 30 de março de 2017

Veranópolis: VEC, preparação de goleiros: histórias de superação!


O Veranópolis Esporte Clube teve excelente desempenho durante o Certame Estadual e conquistou uma vaga nas quartas de final do Gauchão. Em todos os setores dentro de campo, tanto atletas quanto comissão tiveram muito foco, dedicação e trabalho para chegar aonde chegaram. Pode-se dizer que, o coletivo fez a diferença.
Um grupo coeso e dedicado que, mesmo fora das quatro linhas, é um time.
O preparador de goleiros, Samuel Vettorazzi, que já foi jogador de futebol, começou nos juniores do Juventude e depois foi para vários clubes do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, migrou para a preparação, e hoje entende muito bem como é o dia a dia de um atleta.
- Não é fácil para ninguém essas mudanças constantes que passamos, viver longe da família é sempre difícil, por isso, procuro sempre me relacionar bem com os goleiros e mantermos um bom relacionamento,pois isso também ajudará em campo. Quando chegamos em Veranópolis, recebemos uma missão: manter o VEC na elite do futebol Gaúcho, e junto com o técnico Tiago Nunes, pensamos e estruturamos todo trabalho da preparação dos goleiros. Estudamos individualmente cada um e programos os treinos buscando velocidade e força. Destacamos, para o trabalho com os goleiros, algumas capacidades psicológicas: a atenção, a concentração, a liderança, a motivação e o controle do estresse. No âmbito da preparação física, treinamentos específicos fundamentados na força explosiva, na agilidade, na flexibilidade e nas resistências aeróbia e anaeróbia. E graças a Deus, deu certo. Comentou, Samuel.
Os treinos intensos na pré-temporada, foram decisivos na preparação de cada um. Os goleiros Reynaldo, Anderson e Welerson tiveram durante o campeonato, excelentes resultados, e isso possibilitou para o VEC ter a defesa menos vazada do campeonato, apenas 8 gols sofridos. No caso do goleiro Anderson, a preparação foi mais intensa e também é uma história de superação. O goleiro chegou ao Veranópolis com alguns pontos que precisavam ser acompanhados mais de perto. Recuperado de uma bactéria que quase o tirou dos campos, Anderson estava acima do peso e também sem ritmo de jogo. A comissão técnica e a diretoria pentacolor acreditaram no atleta e ele, deu o seu melhor. Se empenhou e em menos de 30 dias já estava defendendo as metas do clube, em amistoso de preparação do campeonato. Além disso, nesta quarta-feira, dia 29,
Anderson vestiu o manto pentacolor em jogo oficial do Gauchão e defendeu o VEC na última partida da primeira fase do Certame Estadual.
- Eu cheguei no VEC fora de forma. Estava acima do meu peso uns 5kg e também não tinha ritmo de jogo. A bactéria que se alojou na minha perna me deixou fora das quatro linhas por muito tempo. Mas ver que o clube e a comissão estavam apostando em mim, me deu gás para lutar e voltar a minha forma e também ganhar ritmo de jogo. O Samuel me motivou muito, me ajudou e no final dos trinta dias eu já estava vestindo a camisa do VEC e defendendo o time. Essa situação me mostrou que é possível, se a gente acreditar e se dedicar. Sou muito grato ao clube, a comissão técnica, ao Tiago e ao Samuel, que diariamente me incentivam. Relatou o goleiro Anderson.
Reynaldo, que até então não tinha defendido nenhum time gaúcho, fez defesas espetaculares e decisivas para o Pentacolor. Foi eleito o melhor em campo em alguns jogos.
- Os jogos do Gauchão são mais truncados, tem mais corpo a corpo e é difícil você não trombar com outro atleta durante o jogo. Isso acaba exigindo mais dos goleiros e a preparação é fundamental. São os detalhes que farão a diferença em campo. Ponderou Reynaldo.
Para Welerson, que vem das categorias sub17 do VEC, foi uma grande oportunidade. 
- Tive o Samuel como professor, me orientado e muitas vezes me dando treinos específicos. Eu percebi que meu desempenho está melhor e estou muito feliz com essa oportunidade. Comentou o jovem goleiro.
Depois de muitos treinamentos, grandes embates e tantas histórias de superação, o VEC agora se prepara para um grande desafio que é as quartas de final. E o primeiro jogo será em casa, no dia 2 de abril, às 16h, contra o Grêmio.

Fonte: http://www.vec.net.br/